Recomendo

A história de Nicky Cruz é parecida com a de milhares de jovens e adolescentes que vivem nas grandes cidades espalhadas pelo mundo. Rejeitado pelos pais, carente de afeto e atenção, ele fez das ruas o seu lar, dos amigos, a sua família. E acabou vivendo em um território sem lei, onde os fortes subjugam os fracos; onde não há espaço para os valores éticos e morais; onde tudo é conseguido na base da violência... Ainda que seja preciso matar.

Mais do que Igreja, Reino

Jesus disse: “Bem-aventurados os pobres em espírito, pois deles é o Reino dos céus” – Mateus 5.3, disse também: “Bem-aventurados os perseguidos por causa da justiça, pois deles é o Reino dos céus” – Mateus 5.10. Fica claro nos ensinos de Jesus que o reino pretence aos humildes, aos que tem fome e sede de justiça, aos que tem um coração puro, aos pacificadores, aos que buscam retidão. Jesus enfatiza que os seus discípulos eram luz no meio de um mundo de trevas, e que Deus queria que eles resplandecessem através do amor, atos de bondade e generosidade.

Criando uma cultura

 

A Igreja Metodista Livre tem uma cultura. Atualmente, podemos ver que a Igreja Metodista Livre tem algumas culturas. Não pelo fato de que muitas igrejas não usam o inglês como com lingua oficial nos cultos e eventos, mas porque elas são diferentes umas das outras na forma de ser. Algumas igrejas tem uma cultura de sobrevivência. Esta cultura é conduzida por um medo terrível da morte inevitável ou pelo fechamento feito pela Conferência. O objetivo principal, desta cultura, é manter as portas abertas.

Pessoas centradas na oração

Um homem trouxe o seu filho, que era epilético para que Jesus curasse, porém fora informado que Jesus não estava ali naquele momento, mas seus discípulos poderiam atendê-lo.

No capítulo seis de Marcos, Jesus havia dado autoridade aos discípulos para expulsarem demônios e curarem enfermos, mas naquele momento tudo deu errado e eles não conseguiram a libertação do menino.

Um Novo Conceito de Oração

 

A importância da leitura Bíblica

Resultado da Oração

Quando não nos posicionamos de forma correta, somos influenciados a tomar decisões segundo a nossa vontade ou, pior ainda, enganados por Satanás.
Jesus veio disponibilizar para o homem a maneira certa de tomar decisões. Lendo os ensinos bíblicos aprendemos que a melhor maneira para entrar nesta guerra é estar preparado com as armas certas.

Jesus

 

A maior necessidade do ser humano é de uma real transformação. O recursos, nesta direção, colocados a disposição das pessoas, nem sempre trazem os resultados esperados. Eles representam o esforço do homem em solucionar problemas que afligem sua alma.

A busca por esta transformação envolve tempo, dinheiro, expectativas quem nem sempre são alcançadas e outros fatores. Muitas vezes, nesta busca, a pessoa sofre, faz opções erradas e até, alguns, chegam ao desespero por não encontrarem uma saída.

Impulso Santo

Em II Coríntios capítulos 3 e 4, o apóstolo Paulo descreve o seu ministério e de seus companheiros. A eles fora confiado o ministério da reconciliação, para mostrar que só através de Jesus é possível encontrar remissão dos pecados, cura e a reconciliação com Deus.

Frutificando

 

O propósito é "gerar outras vidas". É a Grande Comissão: "Então, Jesus aproximou-se deles e disse: Foi-me dada toda a autoridade nos céus e na terra. Portanto, vão e façam discípulos de todas as nações, batizando-os em nome do Pai e do Filho e do Espírito Santo, ensinando-os a obedecer a tudo o que eu lhes ordenei. E eu estarei sempre com vocês, até o fim dos tempos." - Mateus 28.18-20.

Vivemos dias difíceis na história da Igreja, numa sociedade egoísta, imediatista e hedonista, características que têm afetado nossa relação com Deus.

Alcançando as promessas

Nesta busca para alcançar nossos objetivos, o apóstolo Pedro nos ensina a melhor maneira. Em II Pedro 1.1-11, o apóstolo nos lembra as preciosas promessas de Deus. Ele fala de ingredientes como: fé, virtude, conhecimento, domínio próprio, perseverança, piedade, fraternidade e amor. Estes são subsidios necessários para prosseguir da maneira segura. Em II Pedro 1.3 ele diz que Deus “Pelo Seu divino poder nos deu tudo de que necessitamos para a vida e para a piedade, por meio do pleno conhecimento daquele que nos chamou para a sua própria glória e virtude”.